Contato:

(71)3321-1713

Notícias

Publicado em 29/10/2018

Trabalhadores do Complexo Pirajá sofrem com o descaso na manutenção das unidades


As péssimas condições no meio ambiente de trabalho do CDD Sete de Abril foram agravadas com a mudança climática que ocorreu em Salvador nos últimos dias. O total desrespeito da SE/BA se torna evidente no medo que assolou os trabalhadores com a ventania dos últimos dias. Os fortes ventos arrancaram janelas, vidros e espalharam poeira por todos os lados. Ir ao banheiro causa terror para os funcionários, pois o medo de uma janela cair sobre suas cabeças é constante.  

Apesar das várias denúncias, nada é feito pela SE/BA. Mato alto ao redor do Complexo e os diversos tipos de sucatas (veículos, armários, cadeiras, empilhadeiras, entre outras), viraram casas de animais peçonhentos afligindo os funcionários, dos CDDs Sete de Abril, São Caetano e Pirajá.  Além disso com a chuva aumentaram a proliferação de mosquitos transmissores da dengue, zika e chikungunya.

O Sincotelba ciente do perigo que os trabalhadores estão correndo, solicitou em caráter de urgência da SE/BA solução imediata. Caso o problema persista os funcionários serão mobilizados para uma paralisação ou greve por tempo indeterminado.