Contato:

(71)3321-1713

Notícias

Publicado em 23/03/2020

Um gestor consciente não coloca em risco os funcionários

Mesmo depois da empresa circular
as medidas preventivas para o combate ao novo coronavírus, alguns gestores não
estão cumprindo a determinação feita pela empresa, ou seja, liberar funcionários
enquadrados nos grupos de risco: gestantes, lactantes, portadores de doenças
crônicas como diabetes e pressão alta, indivíduos com doenças graves e imunidade
comprometida e trabalhadores acima de 60 anos. Além desses, os que convivem com
pessoas do grupo de risco ou pais de filhos em idade escolar ou abaixo, também
tem direito a solicitarem o trabalho remoto.



Apesar dos decretos municipais e
estadual que proíbe aglomeração acima de 50 pessoas, a ECT continua expondo seus
funcionários ao contato com o público e trabalhando em locais acima do
permitido.  O Sincotelba, orienta os trabalhadores
que se enquadra no grupo de risco, como foi especificado no “Primeira Hora”, a
solicitarem do seu gestor o trabalho remoto quando entregarem a auto declaração
assinada.



Gestor, não brinque de ser Deus ou médico,
não coloque a vida do funcionário em risco, receba a auto declaração e indique
o curso adequado para cada função. Lembre-se, não hesite em solicitar o
trabalho remoto, você também tem direito, caso seja preciso.



Caso o seu
gestor continue sem cumprir com a determinação da empresa, o trabalhador deve denunciar
na ouvidoria dos Correios e procurar o sindicato.